10 de abril de 2011

UM LOGRO CHAMADO FERNANDO NOBRE

2 comentários:

Pedro disse...

Em bom tempo, abandonei o barco, tal como os companheiros de luta.
A atitude anti-democrática a quem este personagem deu o aval, foi
reveladora da sua verdadeira personalidade e dos valores que
defende, afinal tão iguais aos
dos restantes membros do "Sistema".
Só lamento por todos aqueles que eu
ainda acredito que genuinamente estiveram envolvidos na causa das
presidenciais, a lutar por um
futuro político diferente. Ironicamente, creio que mais este
"incidente" valida que apenas colocávamos no sítio mais um da mesma laia dos que lá estão e que já lá estiveram.
Esperança? No quê neste País? Em quem???

Otília Gradim disse...

Viva Pedro,

O FN só nos veio dar razão.

Era previsível este oportunismo o que ele queria era o ACNUR mas não conseguiu. Vendou-se por pouco!!

Temos que marcar um jantar.

Beijinhos