28 de março de 2011

QUEM RESISTE A ESTA AGENDA?

22 de março de 2011

(IN) COERENCIAS?...

Ou será só total ausência de pensamentos crítico e ideológico?  

No Partido Socialista vão realizar-se eleições para o Departamento Nacional de Mulheres Socialistas e sobre o assunto, eis o que foi publicado por um dirigente (?) de uma secção de residência do Partido Socialista.














20 de março de 2011

TORTURA

Tirar dentro do peito a Emoção,
A lúcida Verdade, o Sentimento!
- E ser, depois de vir do coração,
Um punhado de cinza esparso ao vento!...

Sonhar um verso de alto pensamento,
E puro como um ritmo de oração!
- E ser, depois de vir do coração,
O pó, o nada, o sonho dum momento...

São assim ocos, rudes, os meus versos:
Rimas perdidas, vendavais dispersos,
Com que eu iludo os outros, com que minto!

Quem me dera encontrar o verso puro,
O verso altivo e forte, estranho e duro,
Que dissesse, a chorar, isto que sinto!!

19 de março de 2011

11 de março de 2011

GRANDES IDEIAS

 "Atribuir prémios e condecorações a investidores externos" 
Porreiro, pá! Aumenta-se a produção de faixas e galardões.
"Reduzir o número e deputados para cerca de 150 a 180" 
Há que promover um parlamento bi-partidário. Porreiro. pá!! precisas é de rever a Constituição ou então não ficas-te pelos 180 deputados.
"Melhorar a remuneração dos governantes"
Tem que ser!!.. ou então não há prendas de Natal para a família .
"Dividir os hospitais por especialidades" 
Adivinha-se um aumento dos hospitais especializados em cirurgia estética!... a traumatologia fica no centro do país para ficar equidistante.
" Tomar medidas VIOLENTAS para acabar com a exagerada proximidade entre a justiça e os media" 
Quão violentas?.. será com o uso das tropas de elite?
"Conceder benefícios fiscais a grandes fortunas que queiram fixar-se em Portugal" 
Será que ele não sabe que o capital não paga impostos?... 
 

9 de março de 2011

COMENTARIOS PARA QUÊ?...

É UM ARTISTA RASCA QUE SE VÊ À RASCA PARA DAR NAS VISTAS.
.

8 de março de 2011

"Humilhação, precariedade, maus-tratos conjugais, prostituição, criminalidade, desemprego, sexismo: as mulheres são sempre as primeiras vítimas. Pior, existem no nosso país zonas de sombra onde as mulheres vivem em estado de subordinação total, senão mesmo de escravidão, nas comunidades de imigrantes onde os costumes desafiam a lei. As crianças do sexo feminino podem frequentar a escola da Republica, mas são excisadas, usam véu, são casadas à força, violadas nas suas escolhas mais íntimas. Para estas raparigas, como para outras, o exemplo da França e sobretudo dos países escandinavos prova que só a lei e a sua impregnação no tecido social podem melhorar o destino das mulheres."

"No resto do mundo, mais de metade da humanidade, homens e mulheres, vivem no sofrimento. O sofrimento de ser pobre, de se estar mal alimentado, doente, de se ser iletrado, explorado. Mas é o sofrimento de se ter nascido mulher que lhe agrava todos os outros. Em todo o lado, a condição das mulheres mostra-nos a face mais negra das realidades contemporâneas. Elas são, simplesmente, inferiores. Impuras. Merecem apenas ser subjugadas, exploradas, espancadas, violadas, compradas, repudiadas. Nasceram para escravas. Votadas ao silêncio, ao esquecimento. Desprezíveis, em suma, indignas."

Chistine Ockrent
.

4 de março de 2011