22 de outubro de 2010

FERNANDO NOBRE - CRÓNICA DE UMA MORTE ANUNCIADA



por Manuel Vilar Macedo

1ª crónica

4 comentários:

Carlos II disse...

Vou só me reportar à 3ª. crónica: Enfim, lá vamos "nós" votar no Cavaco outra vez.
O resto já era previsível.

Beij

guimaraes disse...

o que está acontecendo Otília?
Acabou mesmo?
Todos?

jguima@iol.pt

Beij.

Otília Gradim disse...

Guimarães,

Como sabe eu tinha anunciado que abandonava a campanha por ela ser manifestamente incapaz de avançar e estar entregue a incompetentes.
O José Pereira pediu-me para ir ao Plenário e adiar a minha saída por uma semana e o Guimarães pôde ouvir as várias intervenções que fiz.
O Artur Pereira percebeu que tinha fragilizado de forma grave a candidatura de Fernando Nobre com a sua intervenção e mais tarde com as respostas... e apesar de me ter dado razão nas criticas… saiu dali a pensar como me eliminar a mim e a outras vozes discordantes.
Cometeu um erro maior que o que cometeu no plenário!
Na sequência disto, o José Pereira, apresentou na reunião do secretariado distrital um texto onde propunha a suspensão e afastamento das vozes mais discordantes! … O estúpido foi que o Mário Nunes Neves, que já tinha abandonado a campanha do Fernando Nobre ainda antes de eu entrar, também contava na relação das pessoas a serem afastadas.
O secretariado não aprovou o documento tal como ele estava e substituiu os termos “suspensão e afastamento” por “repreensão”….
O que os idiotas não perceberam foi que o tal texto foi de imediato colocado no facebook e que este gesto correspondeu a dar vários tiros no porta-aviões.
Matosinhos não tem estrutura, Maia não tem estrutura e a estrutura de Gaia está moribunda.
Esta palhaçada, que ninguém acreditava ser possível, levou a um comunicado ainda mais lamentável e dezenas de voluntários abandonaram a campanha influenciados por estes acontecimentos.

Beijinhos

Otília Gradim disse...

Carlos,

Nem sei que te diga meu Amigo!...

As "purgas" do PC foram simuladas na campanha de Fernando Nobre... pondo a claro o logro que podem ser certos movimentos.

São muitos os que já o abandonaram e ele pode vir a ter um resultado humilhante.

Já tinha visto esta cena na candidatura do Pires Veloso onde o levaram a desistir antes das eleições.

Vai haver noticias sobre isto e eu mesma vou escrever sobre o que penso deste processo... não já.
A reflexão e algum distanciamento é sempre importante.

Beijinhos