28 de fevereiro de 2010

TENHO UMA DÚVIDA!…

.
Será que o Mário Crespo quando dorme com a camisola que mostrou na audição "para lamentar!!" não pode ser acusado pela esposa de estar a meter um terceiro na cama?...

AFINAL HAVIA OUTRA

.
Esta é a camisola que o Mário Crespo queria mostrar e que foi censurada... Segundo as escudas, a que o SOL teve acesso, do telefonema de José Sócrates ao Presidente da Comissão de Ética.
.
.

24 de fevereiro de 2010

ZAPATA TAMAYO MORRE APÓS 85 DIAS DE GREVE DE FOME

.
Zapata Tamayo morreu esta terça-feira num hospital de Havana, após 85 dias de greve de fome. Trata-se da primeira morte de um prisioneiro político cubano desde os anos 70.

A Comissão Cubana dos Direitos do Homem e Reconciliação Nacional, uma organização ilegal mas tolerada pelo regime cubano, considerou que Zapata Tamayo foi assassinado de forma premeditada.
.

23 de fevereiro de 2010

.

BASE DE DADOS PORTUGAL CONTEMPORÂNEO

.
PORDATA

A Pordata é um serviço público, um projecto destinado a todos, pensado para um vasto número de utentes que comungam do interesse em conhecer, com confiança e rigor, mais sobre Portugal. É, por isso, com imenso orgulho que passo, a partir de hoje, a partilhar esta fonte de informação com todos os que possam dela necessitar.

Maria João Valente Rosa
Directora do Projecto
.

22 de fevereiro de 2010

UM POST DO CÂMARA CORPORATIVA QUE MERECE RECEBER O ÓSCAR

ÓSCAR VEM CÁ CONHECER OS SENHORES!!

.

ESTÁ IMINENTE A DETENÇÃO DOS CABECILHAS DO SIMPLEX


Só hoje reparei que o Roland Barthes da Brandoa (RAP dixit) exigia, na edição do Público de sexta-feira, que o pessoal do SIMplex seja também ouvido na Comissão de Ética. Atendendo ao número de colaboradores do SIMplex, presumo que nesse dia a audição tenha de ser feita no Pavilhão Atlântico.

Entretanto, o caso que abalou o país na última semana teve novos desenvolvimentos, ao se apurar que, para além do envio de e-mails oportunamente denunciado, os assessores do Governo usam meios do Estado para encomendar pizzas e chamar táxis. Aguarde-se a crónica da próxima sexta-feira do Roland Barthes da Brandoa.

.
Miguel Abrantes 
.

21 de fevereiro de 2010

SAMUEL BARBER - ADAGIO FOR STRINGS

.
As imagens que chegam da Madeira remetem-me para esta sonoridade 
.
 
















.

18 de fevereiro de 2010

O CAMINHO PARA O PARAÍSO

.
“O suicídio não é cometido por desespero; é um acto de esperança do qual decorre uma elevação no estatuto suicida. Alguns bombistas suicidas sentem-se em conexão directa com o omnipotente Alá” - Prefácio

"Talvez tenha sido a sua última hipótese de fuga antes que o marido a maltratasse, dado que aparentemente estava farto dela, ou talvez houvesse outro homem na sua vida, ou existiam apenas rumores nesse sentido. Foi uma saída honrosa, impedindo que a humilhação se abatesse sobre si e sobre a sua família.
Recordo-me de algo que ouvi nesse contexto, «Não era uma shahida, era uma sharmouta» (ou seja não foi uma mulher que morreu como mártir em nome de Alá, era apenas uma prostituta), e ouvi-o da boca da boca de Murad, um jornalista árabe que me acompanhou várias vezes quando entrevistei indivíduos fora das prisões israelitas. Ele acrescentou: «foi melhor para ela morrer do que ser assassinada, e até levou dois soldados [israelitas] consigo, pelo que todos os seus pecados foram esquecidos." - pag. 16      

16 de fevereiro de 2010

O QUE TÊM EM COMUM GUILHERME PINTO E FILIPE PINTO?

★ ☆ ☆ ★ ☆
.
Quer na vitória de Guilherme Pinto quer na vitória de Filipe Pinto… a Narciso Miranda só lhe restou aplaudir.
.

12 de fevereiro de 2010

O LANÇAMENTO DO LIVRO DE MÁRIO CRESPO

.
 TODAS AS FOTOS PODEM SER VISTAS AQUI... 
.

UM EXCELENTE POST DE "O JUMENTO"


LEITURA OBRIGATÓRIA         

ESTADO DE DIREITO OU ESTADO DE DIREITA?...

.
ONTEM COMO HOJE...
O SOL CONTINUARÁ A FAZER OS JULGAMENTOS NA PRAÇA PÚBLICA



POIS... ASSIM NÃO CONVENCEM NINGUÉM

.

11 de fevereiro de 2010

ASSEMBLEIA DE FREGUESIA DE MATOSINHOS


.
Fui assistir à reunião extraordinária da Assembleia de Freguesia de Matosinhos, tendo ficado surpreendida e agradada com a vivacidade e assertividade demonstrada pelo novo Presidente da Mesa da Assembleia.

O Presidente do Executivo mostrou ser capaz de reagir calmamente a algumas “provocações” bem pensadas por parte dos eleitos do PSD, as quais não surtiram efeito por terem surgido fora do contexto. É que dizer ao Presidente da Junta de Freguesia que não tem força reivindicativa e nem a quer ter junto do Presidente do Município apesar de serem da mesma cor politica… foi uma “provocaçãozinha” que a mim me fez rir por perceber exactamente a jogada que está por trás… se o Presidente de Junta estiver às turras com o Presidente do Município o lucro é todo para o PSD.
 
Verifiquei que, apesar de discordar do que foi dito pelos eleitos do PSD, eles estão muito mais capazes que os do mandato anterior para fazer oposição…. Esperemos que a saibam fazer de forma criativa e responsável. Acredito que num regime democrático, seja a nível nacional ou autárquico, é importante haver uma oposição credível. Nenhum regime democrático é verdadeiramente democrático quando não há uma oposição capaz de se mostrar como alternativa para exercer o poder.

Dois apontamentos:

A bancada do PS continua fraca, sem liderança e sem um porta-voz capaz de se afirmar politicamente como a voz do PS na Assembleia, deixando esse papel ao Presidente da Junta.
O Presidente da Junta, ao assumir publicamente a liderança da bancada do PS, não só menoriza o seu papel institucional legitimado pela força dos votos que recebeu, como desacredita o líder da bancada do PS.

Eleitos pela Associação Narciso Miranda primaram pela ausência… em abono da verdade também não sei se não é melhor assim… já que aos presentes nem se lhe ouviu a voz, o que me avivou na memória a já célebre afirmação “a mim não me calarão” e me fez pensar que pelo, que vi da sua actuação, se arriscam a ser referidos como “a estes não os ouvirão”... a não ser que seja para “dar circo”… mas até para isso terá que estar presente o cabeça de cartaz.
Isto fez-me relembrar um outro episódio, este passado recentemente numa Assembleia Municipal, quando o porta-voz da bancada dos eleitos pela ANMMS se retirou dos trabalhos com a justificação de que a hora já seria tardia para as senhoras... o que para qualquer observador mais atento não deixa de constituir uma afronta para as mulheres condicionando de forma deliberada e intencional o seu direito a intervir na vida política… o que não me admira vindo de onde vem, mas que me incomoda profundamente.
Ver as mulheres da ANMMS a terem de se retirar mais cedo de uma Assembleia com argumentos como “é tarde e fica tarde para as senhoras” não só envergonha as mulheres como as colocam num papel de inferioridade.
Ou será que os maridos das senhoras eleitas pela ANMMS são tão inseguros que elas tem que regressar a casa a horas marcadas?… mais ou menos como se faz aos filhos de menor idade…
 
A ANMMS envergonha-me enquanto mulher e inferioriza a participação activa das mulheres na política

MORTE DE MULHER NA ÍNDIA ENTERRA LÍNGUA DE 65 MIL ANOS

.


6 de fevereiro de 2010

QUE GRANDE LATA!

Volta e meia faço uma ronda pelos blogues de Matosinhos. Assim tenho acompanhado em silêncio e com desinteresse o que se vai escrevendo…
O ruído é tanto que acabei por reparar nas trocas de galhardetes entre o Carlos Alberto e o Leixão. Aqui, sou obrigada a informar os que me lêem que conheço bem um e outro… sei o que os move e sei ao que andam e curiosamente ambos andam ao mesmo em níveis diferentes. Na minha opinião, o Carlos Alberto é boa pessoa mas confuso e trapalhão, o Leixão não é confuso nem trapalhão e muito menos é boa pessoa!
Hoje ao passar pelo blogue “O Leixão” deparei com isto:
O que considerei uma pérola, quiçá um diamante! … foi seguramente o segundo melhor texto/opinião do autor do blogue!!!!
Escrevo segundo melhor porque o seu primeiro melhor texto/opinião foi quando escreveu isto:
Alguns leitores perguntar-se-ão porque raio é este o primeiro melhor texto/opinião e não o outro?... é fácil de explicar!!
No segundo texto/opinião o Leixao escreve sobre os outros e reclama já para si, porque não apoia o «chefe», o direito a adjectivar-se como sério, democrata e socialista…
Já no texto/opinião que classifico como sendo o seu melhor texto/opinião… o Leixão faz a seguinte pergunta “Quem ganhou?” e responde “Ganhou o governo, ganhou o centralismo, ganhou a descriminação e a pauperização no norte e do distrito, ganhou o seguidismo e o carreirismo, ganharam todos quantos se alimentam das tetas do Estado, das autarquias, das empresas públicas e municipais; ganhou o compadrio, o nepotismo, a pequena e a grande corrupção.”
Os meus amigos continuam a não perceber?... arre! É preciso dizer tudo?... pronto, pronto… eu digo!
“ganhou a descriminação e a pauperização no norte e do distrito, ganhou o seguidismo e o carreirismo, ganharam todos quantos se alimentam das tetas do Estado, das autarquias, das empresas públicas e municipais; ganhou o compadrio, o nepotismo, a pequena e a grande corrupção.”    
Ou seja de entre os seguidistas, os carreiristas, os que se alimentam das tetas do Estado, das tetas das autarquias, nas tetas das empresas públicas, das tetas das empresas municipais, de entre o compadrio, do nepotismos e dos pequenos e grandes corruptos, o LEIXÃO ERA O CABEÇA DE LISTA… é caso para dizer que estamos perante o “ALI BABÁ E OS QUARENTA LADRÕES”
É por isso que tem que berrar muito a ver se para o calarem lhe dão uma assessoria… é que por mérito nunca mais lá chega.
.

4 de fevereiro de 2010

3 de fevereiro de 2010

BITAITES - O QUE DE MELHOR FOI ESCRITO SOBRE O MÁRIO CRESPO

.
UMA TRAGÉDIA DE PROPORÇÕES CRESPOLÓGICAS

«O Primeiro-ministro José Sócrates, o Ministro de Estado Pedro Silva Pereira, o Ministro de Assuntos Parlamentares, Jorge Lacão, e um executivo de televisão encontraram-se à hora do almoço no restaurante de um hotel em Lisboa.
.
Fui o epicentro da parte mais colérica de uma conversa claramente ouvida nas mesas em redor. Sem fazerem recato, fui publicamente referenciado como sendo mentalmente débil («um louco») a necessitar de («ir para o manicómio»). Fui descrito como «um profissional impreparado». Que injustiça. Eu, que dei aulas na Independente. A defunta alma mater de tanto saber em Portugal.
.
Definiram-me como «um problema» que teria que ter «solução». Houve, no restaurante, quem ficasse incomodado com a conversa e me tivesse feito chegar um registo. É fidedigno. Confirmei-o.»

A tragédia
As linhas aqui em cima são parte de uma crónica de Mário Crespo chamada O Fim da Linha.
.
Mário Crespo confirmou, fonte fidedigna, mas o Jornal de Notícias decidiu não publicar a crónica. Até que alguém me prove o contrário é uma decisão editorial face ao delírio, mas isto foi o suficiente para que estalasse a revolta. Foi censura, estão a silenciar o Crespo, diziam, ao mesmo tempo que a sua censurada crónica fazia o pleno nos blogues, redes sociais e nos sites dos outros jornais. Basta um clique para furar o bloqueio ao nosso paladino.
.
Quem já leu a crónica do Crespo que ponha um dedo no ar. Agora molhe o dedinho na boca, coloque-o no ar outra vez e sinta os ventos da censura.
.
É um verdadeiro ciclone de proporções crespológicas.
.
Como no Twitter já se chegou a sugerir convocar uma manifestação para defender a liberdade de imprensa, concluo que a capacidade crítica destes defensores da liberdade de imprensa consiste em aceitar o que o mártir Crespo afirma, não questionando absolutamente nada. Por isso, para não dizerem que sou do contra ou sou pago pelo Sócrates, aqui me junto à trupe dos justiceiros e digo Ave, Crespo, em tuas isentas e bem educadas mãos deposito o futuro da minha liberdade e da minha capacidade de julgamento. E se alguma vez o Sócrates se passar e te chamar louco porque escreveste uma crónica no Jornal de Notícias chamando-o de palhaço, conta comigo para defender o teu direito ao insulto gratuito.
.
Continua a fazer-nos acreditar que as conspirações para silenciar jornalistas são feitas em mesas de restaurante e em voz alta, para a fonte ouvir bem e denunciar melhor; que em dia de Orçamento de Estado o mais importante foi discutir-te; e continua a mandar crónicas para um site do PSD, que é assim que os jornalistas verdadeiramente independentes fazem.
.
BITAITES 
.

2 de fevereiro de 2010

AINDA DIZEM QUE A PRODUTIVIDADE EM PORTUGAL É BAIXA

.1º) A 26 de Janeiro (terça-feira) ouviram,ou talvez não tenham ouvido, uma conversa num restaurante.
2º) A 01 de Fevereiro (segunda-feira) o JN não publica o artigo... que entretanto é publicado no Instituto Sá Carneiro.
3º) Até ao fim de semana será publicado um livro que inclui o artigo... editado pela Zita Seabra.

1 de fevereiro de 2010

ARTIGO DE OPINIÃO QUE SUBSCREVO

.
Há tempos saí à noite para me encontrar com um amigo. Na entrada do prédio onde esse amigo mora, um casal discutia e, no momento em que eu tocava à campainha, o homem desatou aos murros e pontapés na mulher, atirando com ela ao chão. Tentei proteger a mulher mas, para minha surpresa, esta levantou-se e veio direita a mim, empurrando-me e gritando que me pusesse dali para fora porque o homem "estava a bater no que era dele". Valeram-me a largura de ombros e a calma do meu amigo, que entretanto descera. Homem e mulher acabaram por seguir caminho "amigos como sempre", ela dando-lhe afectuosamente o braço e ele impante de virilidade. Ocorre-me sempre esta cena quando vejo como certa esquerda (até alguma esquerda "feminista") critica a proibição da "burka" em França com o argumento de que as mulheres islâmicas a usam "porque querem". O mesmo argumento poderia ser usado, mas não é, contra a natureza pública do crime de violência doméstica, que impede as vítimas de "querer" retirar as queixas contra os agressores e criminaliza estes mesmo que as vítimas possam achar que só bateram "no que é deles".
.
-